Smarkio

Como preparar as equipas para a chegada da automação de processos?

como-preparar-as-equipas-para-a-chegada-da-automacao-de-processos

A automação de processos tem um lado negro que paira sobre a cabeça de muitos profissionais e que as empresas não podem ignorar: a ameaça de substituição dos humanos. Já aqui temos falado na improbabilidade de as máquinas tomarem por completo os lugares dos humanos nas empresas, mas uma coisa é o que os gestores […]

Continuar a ler…

As peças de que precisa para construir o Quociente Digital: uma perspetiva de RH

quociente-digital-recursos-humanos

Depois do Quociente de Inteligência e do Quociente de Inteligência Emocional, o mundo gira agora em torno do Quociente Digital. Está familiarizado com o termo? Não muito diferente dos termos que o antecederam, mas adaptado à nova realidade, o Quociente Digital mede a capacidade de um indivíduo ou de uma empresa de rapidamente se flexibilizar […]

Continuar a ler…

A automação na Gestão de Recursos Humanos: um mundo de possibilidades

recursos humanos e automação

Os Gestores de RH lidam essencialmente com pessoas. Implementar automação nos seus processos parece paradoxal? Partilho convosco a perspetiva de quem tem assistido a várias mudanças possibilitadas pela tecnologia no papel dos Gestores de RH. Com a introdução da automação, a ideia é que as equipas de RH façam a transição de Gestores de RH para […]

Continuar a ler…

A automação no mercado de trabalho: 4 mitos desconstruídos

Paralelos ao endeusamento das tecnologias enquanto ferramentas futuristas de automação crescem, com uma força surpreendente, alguns mitos. Já sabemos, por esta altura, que as tecnologias vão, sim, revolucionar a forma como trabalhamos, mas nem todos os milagres são reais nem todos os pesadelos são possíveis. Vamos, por isso, desconstruir quatro dos maiores mitos que circulam […]

Continuar a ler…

Automação e motivação de colaboradores: uma fórmula mágica que resulta

Automação pode ajudar

Motivar os colaboradores é difícil. Sentem-se cansados, aborrecidos, repetitivos e sem vontade de executar algumas das tarefas rotineiras – sobretudo aquelas que são iguais, dia após dia, e cujo resultado é semelhante a cada repetição que é feita.   Há tarefas específicas não podem simplesmente desaparecer dos processos empresariais. Contudo, são muitos os casos em […]

Continuar a ler…